18 jun 2019

Escola ASSERJ capacita colaboradores de supermercados em Teresópolis para mudanças sobre a Lei das Novas Sacolas

Os supermercados de Teresópolis associados ASSERJ já estão orientados sobre a adequação a Lei das Novas Sacolas (8006/18), do Deputado Estadual Carlos Minc, que, a partir do dia 26 de junho, proibirá a distribuição das sacolas plásticas descartáveis, produzidas com 100% de petróleo virgem, em todo o Estado do Rio de Janeiro.

Esta semana, a Escola ASSERJ, da Associação de Supermercados do Estado do Rio de Janeiro, promoveu para seus associados o curso “Novas Sacolas: tudo que sua equipe precisa estar atenta”, ministrado pela advogada Ana Paula Rosa, Coordenadora do Conselho Jurídico da ASSERJ.

A partir de 26 de junho de 2019, todos os estabelecimentos comerciais de grande porte do Estado deverão disponibilizar novas sacolas, produzidas com mais de 51% de fontes renováveis, a preço de custo incluindo impostos. Ou seja, sem obtenção de lucros. Já o prazo para estabelecimentos de pequeno porte será até o dia 26 de dezembro de 2019. O não cumprimento da lei implicará no pagamento de multa. A Lei tem como principal objetivo reduzir o excesso de sacolas plásticas descartadas no meio ambiente.

“A Escola ASSERJ é a instituição que está auxiliando o setor para essa grande mudança. Por isso, desde a sanção da Lei estamos promovendo cursos gratuitos para todos os nossos associados”, destaca Fábio Queiróz, presidente da ASSERJ, e VP da Associação Brasileira de Supermercados – ABRAS.

Durante o curso, os colaboradores das redes Terê Frutas, Green Fruit, Mercado Extra, Mercado Braga, Armazém e Bar Flor da Posse e Novo Regina entenderam as mudanças da Lei das Novas Sacolas, os cenários sobre as mudanças do uso das sacolas, principais dúvidas do consumidor, perguntas e respostas sobre a legislação e ganhos com a inovação.

Deixe uma resposta