DATA: 30/05/2019

CARGA HORÁRIA: 8 horas: de 9h às 17h

LOCAL: Rua do Arroz, 90 – 4º andar – Grupos 443 a 466 – Mercado São Sebastião – Penha – Rio de Janeiro

OBJETIVO: Capacitar os compradores, gerentes de loja e de FLV e os manipuladores FLV na rastreabilidade e padronização de FLV para assegurar a qualidade e segurança aos consumidores.

METODOLOGIA: Exposição teórica dialogada, com apoio de material didático, estudos de casos e recursos áudio visuais.

PÚBLICO-ALVO: Gestores, gerentes, supervisores, encarregados, líderes de equipe. Profissionais que trabalham nas áreas de manipulação de FLV.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

• Introdução / objetivos / históricos das Boas Práticas de FLV;
• Perigos físicos, químicos e microbiológicos em FLV;
• Orientações sobre exigências legais estabelecidas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA e ANVISA aos padrões de identidade e qualidade aos produtos de FLV comercializados nos mercados varejistas, abordando os requisitos mínimos de qualidade e tolerância, a marcação e a rotulagem de produtos embalados destinados diretamente ao consumo humano.
• INSTRUÇÃO NORMATIVA CONJUNTA INC Nº 2, DE 7 DE FEVEREIRO DE 2018 – Ficam definidos os procedimentos para a aplicação da rastreabilidade ao longo da cadeia produtiva de produtos vegetais frescos destinados à alimentação humana, para fins de monitoramento e controle de resíduos de agrotóxicos, em todo o território nacional;
• INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 69, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2018 – Estabelecer o Regulamento Técnico definindo os requisitos mínimos de identidade e qualidade para Produtos Hortícolas.

APRESENTAÇÃO: André de Souza Dutra é Doutor em Ciência e Tecnologia de Alimentos pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (2010), Mestre em Ciência e Tecnologia de Alimentos pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (2006) e graduado em Engenharia Agronômica pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (2004). Atualmente atua na área de Gestão em Transferência de Tecnologia e Negócios da Embrapa Agroindústria de Alimentos. É Sócio fundador da Sociedade Brasileira de Processamento de Frutas e Hortaliças (SBPFH) e Coordenador e professor do curso MBA em Gestão da Qualidade e Segurança dos Alimentos na Universidade Veiga de Almeida. Tem experiência na área de Ciência e Tecnologia de Alimentos, com ênfase em Segurança de Alimentos e Tecnologia de Alimentos, atuando principalmente nos seguintes temas: Processamento de Alimentos; Ferramentas de Qualidade e Segurança (BPF, POP/PPHO e APPCC), Microbiologia de Alimentos e Rotulagem Nutricional de Alimentos e Bebidas.

Roberto Luiz Pires Machado possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (1982) e mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (1994). Atualmente é Analista A da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Tem experiência na área de Ciência e Tecnologia de Alimentos, com ênfase em Ciência e Tecnologia de Alimentos. Trabalha atualmente na área de Transferência da Embrapa Agroindústria de Alimentos, tendo como principal função a transferência de tecnologia, para o setor produtivo. As principais funções incluem suporte técnico ao pequeno, médio e grande processador de alimentos, no que tange aos aspectos: Legislação de alimentos; Rotulagem; Processamento de alimentos..

Para mais informações:
(21) 2584-6339
[email protected]