30 nov 2021

Pix Saque e Pix Troco: Saque facilitado começa a valer em redes varejistas

A partir de agora os clientes poderão solicitar saques de dinheiro em espécie nos caixas do supermercado, balcões de mercearias, farmácias, entre outras instituições do varejo. Basicamente sacar dinheiro não ficará limitado a caixas eletrônicos ou agências bancárias, mas não se preocupe com estruturas ou novos equipamentos, as novas funções são uma extensão do Pix atual.

As duas novas aplicações são:

Pix Saque – Seguindo o mesmo processo atual para se fazer um Pix, o cliente irá realizar a transação para o estabelecimento, que por usa vez irá retornar ao cliente o mesmo valor em espécies, ou seja, R$ 100 no pix são R$ 100 em dinheiro físico.

Pix Troco – O cliente irá pagar além do valor de sua compra no estabelecimento por meio do Pix, e o troco será em espécie.   

Mas atenção aos limites de transações, o Banco Central estipulou o valor máximo para as duas novas modalidades de Pix. São R$ 500 durante o dia e R$ 100 no período da noite, que foi definido entre 20h e 6h. Mas caso o estabelecimento considere definir limites menores também é possível.

Para os clientes, por mês, oito saques serão gratuitos, após isso uma pequena taxa será cobrada, o valor será definido pelas instituições financeiras. Para as redes credenciadas todas as transações irão gerar uma tarifa. Esse valor irá variar de R$ 0,25 a R$ 0,95 por transação, o valor também será definido pelas instituições financeiras.

Para saber mais e credenciar seu estabelecimento fique ligado no site do Governo Federal.

Deixe uma resposta