15 Maio 2020

ASSERJ e Prefeitura do Rio distribuem máscaras descartáveis para quem não estiver usando o item obrigatório na hora das compras

A partir dessa sexta-feira, 15 de maio, a ASSERJ, inicia a distribuição de máscaras descartáveis, produzidas em celulose especial e resistentes. A ação visa proteger os colaboradores dos supermercados e os clientes de que esquecerem o acessório que, agora, é de uso obrigatório na hora das compras. A previsão é distribuir 50 mil unidades do produto apenas na cidade do Rio de Janeiro.

É importante ressaltar que o uso das máscaras de papel resistente é apenas uma medida emergencial e não anula o uso das máscaras de proteção individual, além de todas a medidas de segurança e higiene que já vem sendo implementadas pela ASSERJ e redes associadas desde o início do isolamento social.

“Essa parceria com a prefeitura do Rio veio para reforçar a nossa campanha de conscientização com os consumidores sobre a importância do uso de máscaras para a saúde deles e proteção dos nossos colaboradores”, explica o presidente da ASSERJ Fábio Queiróz.

As máscaras descartáveis serão entregues apenas para quem não estiver usando o item. Feitas de celulose, elas podem ser usadas por até 4 horas, têm função preventiva e permitem aos clientes uma proteção temporária até a volta para casa.

As máscaras distribuídas são biodegradáveis, esterilizadas e com design eficiente para proteger as vias aéreas. O material é mais resistente que o TNT e não permite a contaminação da parede interna do dispositivo.

Leia mais: Vagas no Varejo: aplicativo lançado em parceria com ASSERJ registra mais de 500 oportunidades de emprego no Rio em dois dias

Desde o final de abril a ASSERJ vem divulgando uma campanha de incentivo ao uso de máscaras com o mote “Não saia de casa sem ela: use máscara por você e por nós!”.  A ação relembra à população da obrigatoriedade do uso do item, conforme decretos municipais publicados.  A campanha está sendo veiculada nos canais oficiais da ASSERJ, site, newsletter e redes sociais, e foi desmembrada também para peças offline para as lojas do Rio.

“Nosso propósito é que isso vire um hábito de todas as pessoas, assim como pegar os documentos e a sacola retornável na hora de sair de casa para ir às compras. Que ninguém esqueça dos cuidados de higiene e também da máscara quando for ao supermercado”, afirma Queiróz, presidente da ASSERJ.

Outras orientações de proteção e higiene já vinham sendo amplamente divulgadas pela ASSERJ como, por exemplo, a ida de apenas uma pessoa da família às lojas, que os idosos não saiam para fazer compras, evitar levar crianças aos supermercados, ter álcool em gel na entrada dos locais, constante higienização dos carrinhos, suspensão dos serviços de degustação dentro das unidades, entre outras. Além dessas medidas, outras ações foram implementadas pelas próprias redes, como a aplicação de barreiras de acrílico nos caixas e a sinalização no piso com o distanciamento mínimo entre os clientes na fila.

A ASSERJ produziu também uma cartilha, que é atualizada constantemente, com instruções focadas nos supermercados e consumidores do setor para que intensifiquem as boas práticas de higiene e ações para evitar aglomerações dentro e fora das unidades. Confira a cartilha no site www.asserj.com.br.

 

One Comment

Deixe uma resposta