11 dez 2018

Consumo de cerveja cresce no Brasil; categoria ganha mais de 500 mil lares no último ano

Dados apurados pela Kantar Worldpanel revelam que consumo residencial de cerveja aumentou 9,4% em 2018

Com 63,4% de alcance dos domicílios brasileiros, nos dias atuais, a cerveja vem ampliando sua presença nos carrinhos de supermercado: no ano passado, o índice chegava a 62,7% de consumo total de bebidas, enquanto atingia 62,3% em 2016. Os dados apurados pela Kantar Worldpanel referem-se aos 12 meses terminados em setembro de 2018 e revelam que mais de 500 mil lares passaram a consumir a categoria no período.

O volume levado para casa também registrou alta: neste ano foram 4,5 litros, versus 4,2 e 4,46, respectivamente, em 2016 e 2017. O desembolso médio com o produto subiu de R$ 286, há dois anos, para R$ 342, em 2018. O bom desempenho da bebida dentro dos lares, no entanto, não impede que seja longe de casa onde ocorra a maior parte do consumo: 64% do volume é consumido fora do lar.

No out of home, a categoria cresceu 9,4% em valor nos 12 meses terminados em julho, em comparação com o mesmo período do ano passado. O que mais pesa na escolha do produto é a busca por sabor (62%). De acordo com o estudo, 85% do consumo de cerveja dentro em casa ocorre na refeição principal, sendo que em 22% delas é harmonizado com churrasco.

Quando se analisa os Millennials (a geração Y, nascidos após o ano 2000), o comportamento em relação as bebidas muda se houver a presença de filhos. Pais de crianças entre até 2 anos gastam 54,6% com bebidas lácteas e 10,1% com cerveja. Já os que não têm herdeiros empregam 35% com laticínios e 22% com a bebida.

Infográfico: João Cortez/ASSERJ

 

 

Deixe uma resposta