15 out 2018

Sua rede já tem aplicativo?

Acompanhar o desenvolvimento da tecnologia pode não ser uma tarefa fácil para os varejistas. Mas esse é o caminho a trilhar se você não quer ficar atrás dos concorrentes. Seja por meio de aplicativos ou ferramentas que facilitam a vida do supermercadista e do cliente, a tecnologia voltada para supermercados está crescendo em um ritmo acelerado.

Segundo uma pesquisa da Associação Brasileira de Automação, realizada no final de 2017, 40% dos brasileiros buscam informações sobre produtos pelo smartphone antes de sair às compras. O estudo Global Shopper Study revela que 74% das pessoas que usam os aplicativos conseguem realizar suas compras de forma mais rápida do que pedindo auxílio aos colaboradores. As ofertas personalizadas baseadas no histórico de compras de cada consumidor estão entre as tecnologias mais interessantes para sete a cada 10 brasileiros, de acordo com a pesquisa.

Resultado de imagem para Visual Store Insight (VSI), desenvolvida pela RGIS

CONFIRA ALGUNS APLICATIVOS QUE VEM FACILITANDO A VIDA DOS CONSUMIDORES:

RAPPI

O aplicativo que entrega qualquer coisa na sua casa. Criado na Colômbia, oferece assistentes pessoais, 24 horas por dia, que compram e entregam o que o cliente deseja em casa. Desde frutas e verduras compradas no mercado até produtos para cuidar do animal de estimação, passando por refeições. Os preços são os mesmos das lojas e as entregas são feitas em até 60 minutos.

Resultado de imagem para rappi

GLOVO

É também um aplicativo de entregas rápidas. Além de gastronomia, o aplicativo garante que entrega, em no máximo 40 minutos, qualquer produto, independentemente da marca. Seja roupas, brinquedos, documentos, ou o que o cliente desejar, desde que caiba na bag dos glovers, apelido dados aos motociclistas que fazem as entregas.

Resultado de imagem para glovo app entregador

PÃO DE AÇÚCAR MAIS

Aplicativo do grupo Pão de Açúcar em que o cliente pode resgatar prêmios, receber ofertas personalizadas, além de descontos exclusivos em todas nossas lojas da rede Pão de Açúcar. Além disso, o consumidor pode aproveitar ofertas personalizadas com o Meu Desconto, agendar o horário no caixa com o Caixa Express a fim de evitar filas, ganhar prêmios nas compras do mês com o Meus Prêmios, montar lista de compras personalizadas com o Minha Lista e outras facilidades.

Resultado de imagem para app pao de acucar mais

NÃO FIQUE DE FORA DESSA: DESENVOLVA O SEU!

1- Crie uma estratégia eficiente e compreensiva

Pesquise por aplicativos que sejam fáceis do consumidor utilizar. Tudo o que os clientes querem é uma maneira prática e rápida de pesquisar e comprar o que precisam, sem complicações.

2- Conheça seu público alvo

Saiba exatamente o que seus clientes esperam de um aplicativo e como que ele deverá ser para satisfazer as necessidades deles.

3- Preze pela qualidade

Você precisa desenvolver um aplicativo do zero, com alguém especialista no assunto e com as melhores opções digitais existentes. Lembre-se que tudo no mundo tecnológico muda a cada instante.

TECNOLOGIA PARA AUMENTAR AS VENDA E REDUZIR AS PERDAS

Auxiliar os gestores das lojas de supermercados a ter um maior controle do inventário. É esse o objetivo da ferramenta Visual Store Insight (VSI), desenvolvida pela RGIS, empresa especialista em inventário de supermercado de varejo. O projeto foi criado na Europa e tem a missão de aumentar as vendas e reduzir as perdas dos supermercadistas.

O sistema dimensiona a loja de acordo com o perfil de venda de cada região. É feito o mapeamento da unidade, e, com base na análise, definem qual produto deve estar em qual lugar e com qual quantidade.

Segundo o Gerente de Projetos da RGIS, Eli Souza, o perfil do consumidor e da região em que a loja está localizada é fundamental para saber como trabalhar os produtos dentro dela. “O que vende bem em uma unidade não quer dizer que venda bem em outra. Então esse trabalho varia de loja para loja, e não de bandeira para bandeira”, revela.

Para Eli Souza, esse projeto é fruto da própria demanda do mercado que está em uma busca constante por facilidades que aumentem a venda e reduzem a perda. “Os supermercados estão a procura de ferramentas que atinjam esse objetivo. E nós estamos sempre buscando avanços tecnológicos para suprir o que o supermercado precisa”, garante.

Conteúdo publicado na revista SUPER NEGÓCIOS (Setembro/18)

 

 

Deixe uma resposta